Transformações: educação, mundo do trabalho

Discutimos hoje a relação existente entre o mundo do trabalho e a educação. Retrocedemos ao taylorismo/fordismo e aos estudos de Bobbitt, culminando com a acumulação flexível e uma determinada pedagogia da competência.

A estratégia de hoje foi usar o DataShow. Apesar da leitura socializada permitir melhor interação, parece-me que o pessoal gostou mais desse recurso.

***

Após a primeira semana de estudos coletivos, ficou uma impressão geral e coletiva: era inadmissível a ausência desses momentos. 

maio 5, 2006. Competências, Workaholic.

Deixe um comentário

Be the first to comment!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback URI

%d blogueiros gostam disto: